Projeto @RuasBiográficas resgata memória da capital do Ceará no Instagram

ruasbiograficas   Um documentário que traz uma biografia resumida das pessoas que denominam as ruas, avenidas, alamedas e travessas de Fortaleza, no Ceará, produzido via @Instagram. O projeto @RuasBiográficas busca resgatar parte da memória da cidade de mais de 2,5 milhões de habitantes, por meio de microbiografias publicadas na rede social online de compartilhamento de fotos, desde a última quarta-feira, 5. “Até quando Deus quiser”, fala o idealizador do projeto, o jornalista e redator publicitário Emmanuel Montenegro, à frente da Edições BPM, selo editorial voltado à publicação de biografias, perfis e memórias de vida e de empresas.

“A ideia é levar um pouco da história de Fortaleza, por meio de textos curtos referentes às denominações de cada rua, publicados no Instagram juntamente com uma foto de trecho da rua”, explica. O projeto “nasceu” durante uma caminhada de Montenegro, que deparou com uma placa biográfica fixada no muro de uma rua da Capital. “Achei aquela placa interessante por demais e fui pesquisar. Descobri que durante a primeira gestão do prefeito Juraci Magalhães, o jornalista Cláudio Pereira [falecido], na época presidente da Fundação de Cultura e Turismo de Fortaleza [Funcet], colocou com a iniciativa privada placas biográficas identificando ruas da cidade.”

Emmanuel só lamenta que restem poucas dessas placas espalhadas pela cidade, em péssimo estado de conservação, mal localizadas, algumas escondidas pelas pinturas dos muros: “É uma tristeza ver esse descaso com o passado”. Inspirado pelo projeto e com a ajuda das novas tecnologias, o jornalista resolveu lançar o @RuasBiográficas, visando ainda informar e educar, ao destacar a contribuição daquela personalidade à comunidade. “Espero que este projeto possa trazer à tona os feitos daqueles que denominam cada rua, dando a devida importância à nossa história e instigando à busca de novos conhecimentos”, diz.

Emmanuel Montenegro
Emmanuel Montenegro
É jornalista profissional desde 2008. Já foi assessor de imprensa, repórter online e de TV, redator publicitário. Pesquisa e escreve sobre histórias de vida e trajetórias empresariais desde os tempos da faculdade. Até que resolveu viver disso: fundou a Edições BPM, companhia dedicada à escrita de biografias, perfis e memórias de vida e de empresas.

3 Comentários

  1. Nora Pires disse:

    Louvo e enalteço sua iniciativa em fazer uma breve biografia de quem foi aquela personalidade que está denominando aquela rua. Isso é uma forma de instigar e estimular os transeuntes em conhecer aquela pessoa importante que foi homenageada tendo uma rua com seu nome. Qual sua importância para a cidade? Na época que o saudoso Cláudio Pereira teve essa iniciativa, achei fabulosa a idéia, pena que não foi acatada por seus sucessores. Parabenizo pelo seu Projeto e fico na torcida para sirva de exemplo para outras cidades. Abraço fraterno!

  2. Nora Pires disse:

    Também lhe indico ótima fonte de pesquisa o blogger de Leila Nobre, ela é uma amante da história de Fortaleza e tem um grande acervo. Abraço fraterno!

  3. Agradeço o apoio, Nora! Essa é a ideia do projeto: informar e ao mesmo tempo instigar à busca de novos conhecimentos. Se tiver Instragram, aguardo você! Conheço o blog da Leila, fiz contato com ela inclusive, é uma de minhas fontes de pesquisa. Grande abraço!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *